Corrupção Passiva

Tenho uma confissão a fazer: hoje fui subornada!

Em minha defesa, apesar de ter aceite o suborno, não fechei os olhos à infração. E o suborno era irresistível...

O Miguel, de vez em quando, decide gritar (normalmente se estiver num sítio com muito barulho, ou se ouvir outra criança a gritar ou a chorar). Sempre que ele faz isto eu digo-lhe que gritar é muito feio, que não gosto que ele grite, que me faz doer a cabeça, etc. Regra geral ele pára, sem grande problema.

Hoje ele gritou e eu disse-lhe  para não repetir, com a conversa do costume. Foi então que o safadinho se chegou a mim, deu-me beijos, encostou a cabecinha na minha e me fez festinhas... Uma delícia, devo confessar!

Eu aproveitei, claro, mas continuei a dizer que não se grita... E ele não voltou a gritar ;)

Comentários

Posts mais lidos