Nau Quinhentista + Parque Infantil do Barco | dia #55

A Nau Quinhentista, em Vila do Conde


Hoje rumámos a Norte, e fomos a Vila do Conde e à Póvoa de Varzim. Desta vez tínhamos o nosso destino bem definido e a certeza que ia ser um sucesso!


Graças a uma sugestão que me fizeram chegar (gosto tanto da partilha de ideias e sugestões que este desafio tem gerado, de perceber que os nossos passeios vos inspiram e de receber as vossas dicas para também nós descobrirmos coisas novas e divertidas para fazer!), começámos por Vila do Conde e pela sua Nau Quinhentista, que deliciou tanto o Miguel, como o Rodrigo 😍.

Quando fomos ao World of Discoveries, percebemos que uma das coisas que eles mais gostaram foi de andar a explorar a coberta da Nau. Por isso mesmo, a visita à Nau Quinhentista pareceu-me logo uma boa ideia... E, realmente, foi mesmo divertido! O Rodrigo ainda chegou lá a dormir, mas (felizmente!) acabou por acordar quando estávamos no início da visita, e também se divertiu imenso a brincar aos navios, aos capitães, marujos e piratas!

Corremos, subimos e descemos aquelas escadas todas, finjimos que éramos os tripulantes do navio. Brincaram juntos, brincaram cada um para seu lado!

No fim de toda a brincadeira, ainda fomos ao Museu da Construção Naval. Claro que depois de tanta brincadeira, e já com alguma fome, não explorámos bem o Museu. A parte preferida deles foi a das réplicas de diferente embarcações, mas também não vimos o resto com muita atenção. Se há coisa que passear com os miúdos nos ensinou é que a hora de comer é sagrada (não necessariamente relacionado com a hora do relógio, mas, sem qualquer dúvida, com a hora a que eles demonstram que estão mesmo com fome 😉)

A seguir ao almoço, ainda aproveitámos para brincar no recreio do Jardim Infantil que tem um barco de madeira muito divertido e que, ao fim de semana e nas férias, é usado como parque público 😊.

O nosso destino seguinte foi a Póvoa de Varzim, para onde fomos em busca do Parque Infantil em forma de barco. Não tem nada que enganar: é enorme e é mesmo em frente ao Casino. O parque é, realmente muito giro! Mas, para quem, como eu, gosta de manter sempre os dois debaixo de olho, torna-se uma tarefa extremamente difícil 😉. Eles divertiram-se imenso a correr aquilo tudo, a experimentar tudo, a brincar com tudo. Eu e o Papá divertimo-nos um bocadinho menos... Ossos do ofício 😂.

Mesmo ao lado do parque havia mais duas distrações: uns insufláveis e uns carros, elétricos, para os miúdos poderem conduzir. Como qualquer uma das atividades era paga (e o Miguel disse logo que queria andar nas duas), por isso, dissemos ao Miguel que tinha de escolher. E, claro, ele escolheu o carro. Havia a possibilidade de ir num carro de dois lugares, para também levar o Rodrigo, por isso foi essa a nossa escolha. E que excelente escolha! O brilho nos olhos daqueles dois, as gargalhadas, o entusiasmo, compensaram largamente a preocupação com a segurança dos dois (acho que foram os 15 minutos mais longos da minha vida!).



"Capitão Papá, este marujinho quer brincar contigo! 😍




Trabalho em equipa, para conseguir levantar a âncora 😍








 









Sobre o desafio:

Todos os dias vou partilhar uma sugestão convosco! Uma ideia, que nós tenhamos feito, e que pode servir-vos de inspiração, que pode despertar a vossa curiosidade, que vos pode ajudar a construir também as vossas recordações Felizes 💝

Deixem também as vossas sugestões. São todas muito bem-vindas! E, se quiserem, partilhem também as atividades que decidiram experimentar. 😊

Se não quiserem perder pitada, sigam a página de Facebook, o Instagram ou, se quiserem receber no vosso email todas as dicas, sugestões e novidades, subscrevam o Blog (no canto superior direito).


Os outros dias do desafio podem ser vistos aqui.

Comentários

Posts mais lidos